domingo, 2 de outubro de 2016

Neutralizador/matizador a partir de roxos

Ei, criaturas!
Tudo bem?

No episódio de hoje, ensinarei vocês a como aproveitar aquele resto de tintura que parecia não servir pra nada pra criar uma cor intermediária e que seja útil.

Neste, irei me focar em neutralizadores de amarelado a partir de roxos e rosas.
Lembrando que: mais azulado=matiza tons laranjas
mais violeta= matiza amarelados e dourados

Como meu foco era ter um neutralizador de amarelado, já que meu cabelo é predominantemente dourado, fiz um que se adeque melhor.
Porém, não se preocupe que irei explicar direitinho!

O que você vai precisar:
-Um condicionador ou creme branco
-Os tonalizantes que estão sobrando: roxo e rosa ou violeta
-Um frasco a parte, pra fazer a diluição e guardar depois
-Um matizador, de qualquer marca, pra criar uma margem de erro ou acerto.

Caso você não tenha este último, pode se basear nas fotos, elas não tem edição.

















O que eu usei:
-Um tonalizante aberto da Raw, que é azulado/lavanda escuro
-A Sky Pink, da Candy Color
-Dois cremes: Um da Imedia, que vem com o 7744 que uso e um do Moracanoil, que estava encostado.

Poderia ter sido outro azul? Sim! Só não aconselho com turquesa, porque é muito esverdeado e pra neutralizar exige excesso de vg.
As chances de erro são grandes.
E o rosa: Quanto mais claro, melhor pra controlar.
Usei o Sky Pnk por ser um rosinha pastel e que não costumo usar puro.

E, como matizador, me baseei em três que tenho aqui: Mix Tonner, da Special Effects, White Tonner, da Directions White Tonner e Lilac e o Lie Locks, da Manic Panic.
O Mix Tonner, ao meu ver, é o ideal pro meu caso. Porém, ele é muito claro e tem pouco rendimento. É inviável ter estoque dele pra usar toda quinzena.
O White Tonner é pior ainda! Ele seria o limite mínimo de uma matização. Só uso ele diluído com outra coisa.
O Lilac comigo fica cinza. Meu cabelo é um dourado tão forte que não fica lavanda, resulta em variações de branco. 

E o Lie Locks uso diluído.
Ou seja: eu tinha um intermediário entre o mais claro e o mais escuro possível.
Entre azul e violeta.















O que eu fiz: Peguei uma quantidade significativa do da Raw e dilui em creme, pra quebrar a cor.
Fui fazendo baseado no Lilac. Não poderia ficar mais azulado nem mais escuro.
Assim que consegui um tom parecido, adicionei a Sky Pink, pra que a cor aos poucos ganhasse reflexo violeta.















E fui diluindo...
Uma medida de creme para uma de tintura. Se ainda estivesse escuro, mais uma medida de creme.
















 O contraste: A Raw do frasco pura, o creme branco e o matizador que está sendo feito.















Adicionei mais rosa, pra ficar um pouco mais violeta que o Lilac e o Mix Tonner.
Foram, em média, 6 colheres de chá pra 30g de creme branco pra 1/4 da Raw, que dá cerca de 30g.
Ou seja: Dá pra criar uma proporção de 1:2 de tonalizante e creme.
E o rosa, foi meio que na tentativa e erro.

Caso você queira um focado em neutralizar alaranjados, a proporção é menor. Ainda precisa de violeta, porém o azul deve predominar.
















Pra concluir, adicionei uma colher de sopa de bepantol manipulado 15%.
No leite pra pentear, é a medida que uso em um borrifador de 80ml.
Fiz cerca de 100 ml de tintura com: 30g de creme branco, 30g de tonalizante roxo, 6 colheres de chá de tonalizante rosa e uns 10ml de bepantol.

Resumo:

Não precisa sair doida atrás de um matizador se você tiver tonalizante roxo e rosa em casa.
Dá pra fazer um em uns 15 minutos! 
E, na falta do rosa, serve vg, porém: como ela é MUITO mais concentrada, se atente a proporção, que será menor.

d:-)