sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Mais Candy Color e dicas pra rotina

Criaturas, não sumi. Não desisti. Não morri.

Aliás, vamos falar mais uma vez, da nova Candy?
Este mês estou usando algumas cores hipsters: Magic Pink, Ultra Red, Hard Banana, Tropical Green, Acqua, Sweet Grape e Blueberry.

     

Essas fotos tem uma semana. Foram tiradas lá da página, logo, quem quiser acompanhar melhor, é só dar uma espiada! ^^
     
 Falando individualmente de cada:
-A Magic Pink continua da mesma cor. A mesma duração, está praticamente passando o mês sem alterações.
-A Ultra Red decepcionou. No inicio a cor fica linda. Vibrante. Com umas 6 lavagens já está praticamente laranja, quase ruivo.
Se sua intenção é tentar um vermelho que caia pro alaranjado e seja sóbrio, é uma boa opção. Pra um vermelho fantasia, deixa a desejar.
-O amarelo poderia estar melhor.
-O Tropical está a toda! A cor ficou levemente mais clara que a versão anterior, mas a duração continua satisfatória. Quase não alterou.
-A Acqua idem. Escureceu um pouquinho pra desbotar como nós conhecemos. Está aguentando bem o mês.
-A Blueberry esta um pouco mais azulada. Como meu cabelo estava praticamente branco, fez diferença. Logo, ela deve ficar mais roxa de fato numa base mais amarelada.
-E a Sweet Grape foi reformulada, finalmente!! \o Está com a cor certinha, pigmentada e duração prolongada.

Sendo assim, só NÃO testei: Night Sky, Indigo Blue, Deep Wine e Vampire Red.

Além da marca da tintura, há outros fatores que contribuem diretamente pra cor e pra forma do cabelo. Mudei minha rotina. Sou agora uma ativa usuária de low poo e posso afirmar: ajudou MUITO!

Muito mesmo!
Pra quem está meio perdido, low poo é a técnica em que não há uso de: sulfato, parabenos, silicones insolúveis e petrolato nos cremes e shampoos.

Praticamente mudei meus shampoos. Deu trabalho. Foi chato. Estou usando dois específicos pra cachos, low poo da Yamasterol e Ecologie.
Ainda tenho litrão de Joico (olha que maravilha!) e irei mantê-lo pra soapcap ou aqueles momentos da vida em que o cabelo chumba e precisamos tirar o excesso de cor.

E meus tratamentos, fui adequando aos poucos. Atualmente praticamente todos são low poo free, exceto dois da Joico.
risos.
Tenho o kit KPAK. Os produtos funcionam. Faço descolorações frequentes. Uso tintura permanente. Oxidante 40v. Não compensa me livrar de dois produtos top de linha por não serem low poo num universo em que os outros 10 cremes são.

Acho importante a gente ter consciência e saber ser sensato.
d:-)

Como você notou, meu cabelo está cacheando! Háaaa!
Resolvi assumir a forma natural dele e estou gostando demais do resultado.
O low poo ajudou muito nesse aspecto. Ele ganhou forma. A estrutura tá mais saudável, a cor segura mais.

Logo, primeira dica da tia: tenha um creme sem petrolato e parabenos em casa. Ou um de hidratação, tipo o Eh e Monange (é sério!!) ou de nutrição, como o Elseve Reparação total 5 e Bioextratus Algas Marinhas.

O de hidratação manterá seu cabelo macio e brilhoso, para aquele momento em que ele tá saudável e não precisa de nada extremo. E o de nutrição eliminará a porosidade e vai ajudar a manter a cor e a estrutura, ele ficará mais definido.
Dica bonus da tia: Use o de nutrição logo após tingir.

Segunda dica da tia: Evite secador.
E se precisar usar, use protetor térmico. Parece óbvio, mas levanta a mão quem já esqueceu pro preguiça?
Não, ele ainda não e o vilão, mas pode ser se usado sem sabedoria. O secador dilata a cuticula. Ele faz a cor desbotar mais rápido. Aumenta a quebra.
Logo, faça amizade sincera e verdadeira com o protetor térmico se for dependente de secador.

Terceira dica da tia: Se o seu cabelo só fica bem depois que lava e no dia seguinte tá aquela desgraça, faça um leite de pentear.
Tem na internet várias receitas e sim, elas ajudam um monte!
Evite ficar lavando. Evite ficar tacando shampoo.
Falando nisso, investi em trés leite para pentear de definição de cachos achando que era a salvação para o bad hair day. E minha gente, que decepção sem fim!
Estou com o da Amend e...Deixou meu cabelo duro.
Ai eu passava a mão e ele ficava LISO! huauhahuahuauha
Ainda farei uma resenha.
E testei o Creoula, da Lola, que é um pouquinho melhor, mas ainda não se compara ao feito em casa.
Que alias, dica bonus: água mineral+glicerina+bepantol.

Quarta dica da tia: Se seu cabelo for colorido, não use SÓ produtos pra cabelo colorido.
"Ué Djuli...??".
Sim, tenha um ou outro, mas invista com predominância no seu tipo de cabelo.
É bem simples: quanto mais você cuidar do tipo que é seu cabelo, mais estará dando forças a estrutura. E, quanto mais forte ele estiver, mais tempo ficará saudável. Melhor responde aos tratamentos. E, a cor dura mais!

Estou vendo isso na prática e faz uma diferença enorme!
Precisa aderir ao low poo? Não precisa. É apenas um conselho. Tenha um creminho que seja, só pra ver como o cabelo se comporta.

Precisa abolir secador? Não precisa. Só use com sabedoria.
Lembrem-se: pra cabelo, menos é mais. Quanto menos você entupir ele de produtos, mais verá os efeitos do que cada um faz. Não adianta se desesperar e tentar de tudo, ele só absorve aquele limite. 

E quer testar as tinturas? http://nicestuff.iluria.com/
Tem várias aqui disponíveis! ^^
Quer acompanhar melhor as doideiras que escrevo? É só curtir a página!
d:-)

2 comentários:

  1. Me ajuda!! Estou querendo pintar meu cabelo metade azul e metade rosa, mas estou com muito medo. Não pq nunca pintei e tudo... e sim pq eu ja passei uma tinta azul no meu cabelo e até agora (depois de meses e várias descolorações) ela ainda continua. Poderia me dizer se com a Candy Colors aconteceria a mesma coisa? preciso de um tonalizante com a durabilidade menor (já que gosto bastante de trocar a cor do cabelo)

    ResponderExcluir
  2. Estou fazendo low e às vezes no poo, e que maravilha! O cabelo ficou muito mais saudável, aguenta melhor as descolorações e segura mais as tintas, concordo 100% com o que vc disse!

    ResponderExcluir

E ai..?