domingo, 30 de setembro de 2012

Cobertura vermelho com azul, degrade lilas azul

Sobrevivi! Faz cerca de 1 semana que sai da semi-escravidão (e em 15 dias volto parcialmente, mas, a vida é isso) e agora tive um tempinho pra editar fotos que estavam pendentes e terminar o ciclo da postagem.

Sim, demorei um monte, tá quase virando o mês, não me orgulho. Porem, contudo, todavia hoje serão dois assuntos, eu até poderia fazer posts distintos, mas um surgiu da necessidade de retoque, então acaba que se completam.

E vamos nós, a quando eu ainda estava com ele vermelho muito, absurdamente desbotado e zoado do corte quimico de alguns meses atras...













Aqui é o Ultra Red da Candy já nas últimas, eu cogitei retocar mas como ainda teria 1 mês de semi-escravidão preferi cobrir com azul pra dar um tempo nos retoques constantes.













Esse era o lado mais intenso, tava quase chegando no ruivo natural, porem muito manchado. A foto está até bem modesta, a frente estava com uns 3 tons de laranja, atras com outros 2 a 3 de vermelho e a raiz vermelho cereja. Não dava pra continuar...d:-/













Ai resolvi fazer teste de mecha, tanto com o Indigo Blue tanto com o Night Sky da Candy. Esse da foto é o Night Sky, mais escuro e arroxeado.













Ohn, depois de lavado! Não apenas cobriu lindamente como ainda assim ficou azul, mesmo sendo um tom mais escuro. Ou seja: sim, algumas cores cobrem as outras sem precisar descolorir, apenas ficam mais escuras. 











Pra mostrar como fica se comparar o cabelo castanho médio e o azul Night Sky. A intenção era essa mesma, queria que ficasse pouco contraste pra poder lavar com mais tranquilidade, sem me preocupar com manchas e não ter tanto trabalho pra cuidar.













Meu caro leitor, aqui já esta tudo tingido. Prazer, eu sou o Indigo Blue, azul mais aberto e puro. 











Night Sky (a parte de trás, mais escura) e Indigo Blue (parte da frente). Não dá tanto contraste na prática, parece que meu cabelo esta castanho escuro com algumas mechas azuis.

A noticia triste é que a Indigo por ser mais aberta, apesar do resultado lindo e maravilhoso, desbota com mais rapidez e desigual. Algumas partes estavam meio esverdeadas, outras cinzas, outras azul claro...
Então é capaz que seja mais burocrático no final das contas.













Visão geral, foto meio saturada, admito, com corte quimico básico, mas...Vamos levando. Uma hora cresce mais e dá pra igualar.












Mais uma, desta vez do lado esquerdo, onde tem mais da Indigo.
Conclusão até aqui: sim, azul cobre vermelho.
De preferencia para os de base roxa ou mais escuros, assim as chances de cobertura são maiores.













 E como não podia faltar, rainbow recem-retocado, ohn que feliz! \o












Ai ficou: Chrome Orange, Hard Banana (Candy Color)+Alpine Green, Turquoise e Cerise (Directions). 












Parte do azul, Acqua e Royal Pink (Candy Color), Cherry Bomb (Special Effects).


Acontece que o tempo passa...E lá se foram 3 semanas de martírio, sem ter tempo pra fazer nada no cabelo além do básico. E ele foi desbotando, e manchando, e ficando amarelado até que tudo tem limite e pude tirar um dia pra arrumar o minimo.

O que eu fiz: queria evitar descoloração a todo custo, já que o corte químico manda noticias frequentemente. Resolvi que iria desbotar o máximo possível, por métodos clássicos.

Fiz duas aplicações de dekap color (que pra tintura fantasia nem indico, mas cores naturais é uma ótima!) e a raiz praticamente cedeu. Ele resultou no lilas fraquinho, que tem influencia do azul naquele vermelho anterior.

Ainda não era suficiente, então a saída foi fazer uma reconstrução com o Zene, que desbota lindamente as cores.

Resultado? Esse ai abaixo.











A raiz em algumas partes estava semi-loira, um lilas muito fraco e manchadinho. E as pontas ficou esse azul/esverdeado claro.














Ate que ficou bonito, se não fosse por estar com a cor opaca e todo desigual. Sim, o contraste é interessante e tals, desde que feito de maneira decente. Foi ai que eu tive a ideia.













Só pra dar noticias: o rainbow as 3 semanas depois. Vou retocar posteriormente só pra ficar mais neon, as cores ainda estão bonitas.

Dai que eu fiquei em duvida, o amado sugeriu que eu fizesse mechas lilas e acabou que gostei bastante da ideia, mas como também queria azul pensei comigo mesma "E será que presta se eu tentar um efeito degrade, aproveitar essa raiz com tanto contraste e o azul que só precisaria de retoque?"












 Tirei as Raw do armário. A Sin a Min acho que nunca usei no cabelo todo e a Vicious é minha cor preferida pra vida (pra mim o violeta mais awesome já feito na Humanidade, mas, esta sou eu, foi a primeira cor da Raw que usei. E é por isso também que não me atrevo a vender, a tinta ta aqui fechada tem fácil uns 4 anos...). Beleza, dilui em creme pra ver melhor a diferença e olha que feliz: A Sim a Min é vermelho rosado com um leve toque violeta. Seria a versão Burgundy Wine da Raw.

Bem, pra mim pareceu logico usar a Vicious porque a raiz já tá violeta, só que muito desbotado, não precisaria ter preocupação com combinação ou reflexo, azul e violeta são complementares, até pra lavar facilita. 












Prontinho, já com as cores no cabelo. Ohn, tá bem marcado, o violeta só na raiz, puxei com um pente fino e usei os lados dos dedos pra espalhar. Basicamente dividi a mecha em duas e onde estava mais desbotado e aparente usei mais violeta.












Dos dois lados, não foi matematicamente calculado onde terminaria, me atentei a tendencia de desbotamento mesmo, onde estava mais lilas puxei o Vicious, logo depois fui pro azul.













Alias, o azul é True Blue, da Raw na direita (pra variar pro Blue velvet) e na esquerda é o Eletric Blue (da S.E).













 Vicious Blue+True Blue (ambos Raw).


Esperei a pausa, passei um condicionador com vinagre (que manipulei justamente pra isso) e sequei.
Resultado....











O violeta ficou escuro, o que é ótimo, já que não aparece tanto a faz de 2 dedos castanho médio! haha
Parece que o cabelo ta desbotando, achei interessante.












E aqui com o True Blue...Não ficou tão marcado, parece que é uma cor só que foi mudando de tom de acordo com a luz. Ficou discreto, mas dá pra ver que são duas. 












O Eletric Blue ficou mais marcado, mas mesmo assim, ainda não dá pra ver onde começa um e termina outro. 










Mais do True Blue e menos do Vicious Violet.














A franja branca branca após a manutenção merecida Yellow 11.20+mix violeta+40v+descolorante (porque estou sem 0SP).

Já fiz alguns tutoriais aqui, super indico pra quem esta disposto e tem paciência. Meu cabelo tava com raiz natural de quase 1 dedo, melhorou bem.













E a foto mais clara que consegui tirar, mostrando como ficaria no sol.

É isso! \o
Mudei de cor, fiz uma experiencia nova e só usei 3 tinturas.
Dá pra fazer com qualquer outra violeta ou qualquer outro azul, eu só aconselho fortemente que você se atente ao quanto o vermelho esta desbotado. Quanto mais fraco ele estiver melhor a cor pega. Quanto mais intenso, mais escuro.

Sim, tem cores que cobrem outras sem precisar descolorir, só de passar por cima. E sim, tem outras que deixam o cabelo marrom/verde/qualquer coisa diferente do ideal.
Logo, se atente a Estrela, faça teste de mecha pesquise. Não saia tacando tintura no cabelo todo na esperança de que cor x cubra cor y na doida.

Repare que do vermelho ao azul com lilas eu nem mexi com descolorante, só usei o dekap pra abrir um pouco a cor e o Zene pra desbotar. Passei com ele no limite da cor.

Qualquer dúvida, trauma, anseio ou similar estou a disposição aqui e no djuli7@gmail.com
^^

Um comentário:

  1. Olá! adorei as dicas. Para quê serve o vinagre? Uso Exotic criativ nos meus cabelos e com o tempo eles ficam maltratados... beijos!
    diariodeumapinup.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

E ai..?