sábado, 29 de janeiro de 2011

Zene Progress

Após um tempinho de ausência, venho com novidades!
Pesquisei algumas alternativas para escova progressiva, alisamentos e controle de volume. Bem, meu cabelo ficou um pouco resistente a aquela receitinha que já publiquei (leia-se: não estava fazendo mais efeito) e como faço descoloração e uso tintas, não é qualquer produto que serve como substituto. As chances de corte quimico, quebra e similares mesmo teoricamente sendo compatíveis são altos.

Pensei nas opções convencias, que são: relaxamento com guanidina, o X Tenso da Loreal e as escovas Marroquinas e similares que vendem no ML de litro.

Li muito sobre todas elas. O relaxamento foi desconsiderado porque dá um trabalho que eu não quero ter. O da Loreal é compatível com mechas, mas o meu é todo descolorido.
Admito que morri de medo de com isso causar quebra e é inviável fazer teste de mecha.
As escovas seriam o ideal, porem não achei fracionado e pra mim não compensa investir num kit de 2l cada produto.

Ou seja: já foram algumas opções riscadas da lista. E assim cheguei as escovas de polimero de silicone! Teoricamente elas não alisam, apenas diminuem o volume e servem como uma reconstrução.
Mesmo porque elas não tem compostos que sirvam de conservantes, consequentemente são muita mais fracas que as progressivas. Encontrei assim a Zene Progress.
Aqui em Brasilia só achei UM lugar que vende e estava caríssimo (uns 70 reais), então fui incentivada a procurar fracionado pelos sites. Ate encontrei, mas enrolaram 1 mes pra me enviar e viajei antes do produto chegar. Conclusão: comprei na Ikesaki, por 35 reais.

Anyway, voltei feliz com meu Zene Progress novinho por menos da metade do preço que é aqui e esperei alguns dias pra testar.














Sim, embalagem tosca. Não lembro de ter reparado antes e só me atentei por ter pesquisado e ter visto a foto, do contrario provavelmente teria ficado em duvida...

Compensa! O produto não tem cheiro (tá, talvez, levemente, de talco), é de fácil aplicação mesmo sendo chato pra escovar por ser uma pasta e rende demais.

Olha só o rotulo:














Li em alguns foruns que não deu certo pra alguns. E foi meu principal motivo pra querer testar fracionado antes de encarar quase meio litro, sendo bom pagaria o valor que fosse, mas é complicado manter em casa uma quantidade tao grande de algo que não deu certo pra você.
Tá, vira um transtorno.

Enfim, não teve jeito. Eu queria algo que tirasse o volume, fosse compatível com os processos que meu cabelo encara e tivesse um valor acessível.

Respirei fundo e encarei. Fiz o teste em nome da ciencia! dx-D













Ironicamente poucos dias antes cortei meu cabelo curtinho. Ou seja, teoricamente não precisaria do alisamento, mas ja que estamos aqui...
Ele fica exatamente como mostra a foto: fios grossos, como se tivesse passado muito defrisante, meio emplastados e ruins ao toque.
E o cabelo perde completamente o brilho. Não importa a cor, vai ficar fosco, estranho e com cara de sujo.
Fiquei assim as 48h. Era ruim pra pentear, passar a mão...Enfim, ficou uma verdadeira meleca!














Aspecto feioso, né!? A sorte é que não tem cheiro...Falaram em alguns tópicos que não precisa ficar todo esse tempo, mas como foi a primeira vez que usei resolvi fazer igualzinho como manda o fabricante., ao menos pra garantir o resultado.

E...Compensou!













O que eu fiz: lavei normalmente, apliquei o creme Mariana, deixei 2 minutos, enxaguei e esperei secar.
Nem demorou tanto, uns 15 minutos depois o cabelo estava completamente seco.













O fabricante ja tinha avisado que a cor tende a desbotar. Ceus, e como!
As outras cores ate que se mantiveram relativamente estáveis, mas ganhei varias mechas brancas. Tive que retocar logo depois.














Essa foto foi hoje, apos duas lavagens. Não retoquei nada, pra se ter ideia ERA Black and Blue da Raw misturado com Azul Atlantic da Exotic.
Cara, desbota demais. É impressionante...
Logo, fica a dica: se for usar, pinte DEPOIS. Antes não adianta, sai mesmo.

Conclusão: Com 3 lavagens ainda manteve o efeito liso e o aspecto de hidratado. Adorei! Esta mais que aprovado.
Não apenas deixa o cabelo liso de verdade como é um tratamento.













Falando nisso, que tal comentar sobre o suavizador de cor!? Parte do mérito também é dele.
Essa foto foi tirada agora a pouco, após uma hidratação com o próprio.

Muitos me perguntam "Mas afinal, pra que serve o suavizador de cor!?". Meu caro leitor, ele nada mais é que a tinta sem o pigmento.
Na teoria ele tem duas funções: deixar a cor já pronta mais clara (ou seja, dissolver o pigmento de uma segunda tinta) ou a possibilidade de criação de uma terceira cor a partir de duas anteriores.

Um belo dia eu fiquei intrigada. Pensei comigo mesma: O que aconteceria se usasse o suavizador puro após lavar o cabelo?!
Porque vamos combinar, sem o pigmento ele nada mais é que a base da tinta. E foi ai que testei como creme hidratante. Deu certo e tenho mantido desde então...
Imagina o Tonner de qualquer marca importada sem o pigmento lilas. E agora imagine que seu cabelo é de uma cor qualquer diferente de amarelo, logo não faria a menor diferença na tonalidade se aplicado, certo?!
É mais ou menos o principio do suavizador. A tinta vegetal, meu caro leitor, nada mais é que um creme de cabelo muito bom com fixador acrescido de pigmentos.
Por isso o cabelo fica com aquele aspecto de tratado após a aplicação da tinta, MESMO que você tenha descolorido.

E é por isso também que a tinta não causa danos algum, pelo contrario! O máximo que pode acontecer é ela não fixar no seu cabelo ou a cor ficar feiosa, mas isso se deve a diversos fatores, dentre eles inclusive a aplicação.

Pra se ter uma ideia, a composição do suavizador inclui Manteiga de Karite, Lanolina e Vitamina A e E, que são base pra cremes de hidratação.
Ou seja: ele serve para dissolver pigmentos de tinta e como hidratante. A prova esta ai em cima, eu nem usei finalizador. Lavei, deixei o suavizador uns 3 minutos, enxaguei, esperei secar e bati a foto.

Enfim, fica a dica! Uma segunda opção alternativa! ^^

O Zene progress é compatível com tudo, caso você queira migrar sua progressiva é uma ótima opção. Se puder faça um teste da mecha antes pra evitar aborrecimentos.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Descolorantes com pigmentação

Muitos tem me pedido e comentando, porém grande parte não sabe pra que serve.
Ou ate mesmo, a diferença.

O pó descolorante colorido nada mais é que um pó com pigmento para auxiliar a neutralizar reflexos.

Exemplos práticos:

-O pó azul ajuda a diminuir manchas laranjas e consequentemente amarelas.
-O vermelho ajuda a diminuir manchas verdes
-O verde ajuda a diminuir manchas vermelhas
-O lilas ajuda a diminuir amarelado

Logo, nope, o pó descolorante vermelho não descolore e pinta de vermelho, ele apenas evita que o cabelo fique esverdeado.
Da mesma maneira que o pó azul não descolore e não deixa seu cabelo azul.

Sim, existe um produto que descolore e pinta, que geralmente são tintas pra mecha profissionais, como a Miji Contrasti.
E existem tintas que descolorem, como os tons loiros+oxigenada 40v.

Pó já vi UM (nem lembro a marca), mas era um potinho de 30g com cores bem basquinhas, como vermelho, azul e verde. E sinceramente, o resultado fica bem marromenos, o vermelho não é fantasia e sim aqueles tons cereja de Koleston.
Particularmente acho que não vale a pena,compensa muito mais usar a Propriá Koleston.

Ou seja: o pó descolorante colorido é diferente deste que mencionei que também tinge. O nome é da Propriá marca e só tem disponível 3 ou 4 cores.

descolorante é necessariamente um produto que decapa a cor. Ele funciona forçando a abertura da cuticula e retirando o pigmento.
É pra isso que ele serve.
O pó que descolore e tinge é outro principio! Compensaria por exemplo, pra mechas e se você quiser tons discretos que não duram muito.
Também tem essa, a cor só fica umas 3 a 4 lavagens.

Beleza, esclarecida a diferença, e o descolorante colorido?! Como funciona!?

O que poucos sabem é que qualquer um pode ter esse produto em casa. Dá pra fazer com pigmento de tinta fantasia, mesmissimo esquema dos Tonners!

Você precisa de:

-Pó descolorante branco (que é praticamente qualquer um!)
-Oxigenada
-O pigmento oposto ao que se quer neutralizar, que você encontra em tintas fantasia.
*Se for amarelo é lilas, se for laranja é azul e se for verde, vermelho com base rosa.

Como fazer: é só preparar a misturinha e adicionar aos poucos a pigmentação, ate que se alcance um tom médio. Geralmente são 3 a 4 borrifadas de tinta.
NÃO se preocupe se a cor ficar forte demais, não existe a minima possibilidade do seu cabelo absorver o pigmento! O que não for neutralizado ira se perder.

Apenas evite exagerar, afinal não fara diferença se for colocada mais tinta, logo não tem necessidade, acaba sendo desperdício! d:-/

Um detalhe: ele apenas AUXILIA na neutralização, não quer dizer que anula completamente a cor. Nem este nem o que seria comprado já pronto.
É o mesmo principio do pó azul: evita que o cabelo fique laranja, mas dependendo da cor que você quer decapar e da volumagem da oxigenada, ele apenas deixa o cabelo menos laranja.
Ai já seria necessário neutralizar com tinta verde, fazendo a misturinha com shampoo ou usando o tonner, que são pigmentos mais intensos e requerem todo um processo.

Enfim, ajuda demais, mas não resolve. Ele ameniza a situação.
Se você tiver disponível em casa, é um passo a menos pra neutralização, compensa fazer a misturinha.
Se você tiver disponibilidade de comprar já pronto, também facilita demais. É um produto interessante, que compensa ter.
Porem, se atente pra diferença: Pó descolorante colorido serve pra neutralizar a base, seu cabelo não ficara daquela cor! Já o descolorante que tinge é outro produto, ele retira a pigmentação e insere outra artificial, porem tem poucas opções, as cores ficam sobrias e sai completamente com algumas lavagens.

Depende de cada necessidade. Para cores sóbrias em algumas mechas e pouca duração: o descolorante que tinge.
Para neutralizar bases manchadas: descolorante colorido.

d:-)