sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Tutorial: Clareamento com tintura loira (alfaparf 11.21)

Uma maioria não sabe e acha estranhissimo quando dou a dica de descolorir com tinta clareadora.

Eu descobri meio por acaso, já faz alguns anos que mantenho a parte de baixo branca e sempre usei a mesma tinta. Só que eu não aplicava na raiz, era uma especie de manutenção.
Por alguns meses ele foi todo branco e eu queria evitar ao máximo descoloração, logo pra manter a cor fiquei usando essa tinta. Na época eu pensava que ela só servia em cabelos já claros, então no meu caso não faria diferença se aplicasse na raiz.

Até que um dia resolvi testar como descolorante, pra ver o que dava. Passei na parte virgem do cabelo. Para minha surpresa, os resultados foram muito similares, com um detalhe: a tinta não deixa o cabelo poroso.
Se você for usar uma coloração vegetal depois pode ser um problema, a fixação diminui e ela desbota mais rápido. Neste caso, a indicação é forçar um pouquinho as escamas e lavar com anti-resíduos.

E como funciona? Neste post farei um passo-a-passo, mostrando desde a numeração das tintas e explicando o motivo da escolha até o antes e depois.
Porque é bem simples, dá pra fazer em casa e o processo é relativamente rápido, leva pouco mais de 1h desde a preparação do produto ate a lavagem.

O que você precisa:















-Tintas da Alfaparf 11.21 e 0SP
Porque esta numeração: Ele tem como base irise cinza, que ira neutralizar o amarelado. Não precisa ser obrigatoriamente essa da Alfaparf, mas é necessário que se respeite a base irise e seja loiro claríssimo ou platino. Costuma ser o tom mais claro da cartela. A mecha no mostruário é cinza, que seria o resultado caso fosse aplicado numa base ja loira.
O 0SP é super clareador, você encontra em outras marcas.
-Oxigenada 30v ou 40v
*A depender do grau de clareamento
















Só pra mostrar que são realmente essas numerações! d:-)

Agora, a misturinha:















Meu caro leitor, aqui tem um detalhe fundamental: PRECISA ser a mesma quantidade de ambas! Logo, minha dica para que você não se perca na medida é fazer um desenho qualquer, criando camadas. Aqui foram tres camadas de cada tinta, quando terminei uma mantive o desenho e coloquei uma por cima da outra.
A ordem não importa, no caso (só pra orientação) abri primeiro a 11.21 (mais bege) e por cima adicionei a 0SP (que é branca).

Agora é só adicionar o oxidante..















Vai adicionando aos poucos, ate que se crie uma pasta. Existe proporção, mas sinceramente acho que dá mais trabalho ficar se preocupando e medindo as quantidades do que ir misturando, especialmente se a quantidade de tinta foi quase aleatória.
Logo, não tenha medo! O pior que pode acontecer é ficar aguado demais, dai você adiciona mais um  pouco de cada tinta.
Sem falar que a minha cumbuca não tem graduação, logo nem considero a medida.

Em todo caso, o fabricante sugere a proporção 1:2 pra uso em cabelos já loiros (20g de tinta pra 40ml de oxidante). Pra gente, com o objetivo de descoloração, seria 1:1 na pratica. Proporções equivalentes.
Se a sua cumbuca é graduada e você colocou 10 cm das duas tintas, complete ate 20cm com o oxidante.

Só isso? Sim! Não ha necessidade de diluir mix junto porque a própria tinta ja tem base irise.
Agora, vamos a aplicação...














Meu cabelo estava assim. Essa parte toda castanha escura é o que será descolorido.
A raiz toda castanha escuro, uns dois dedos virgem.













Separe toda a parte a ser descolorida e aplique a misturinha direto nos fios:













Sim, é pra emplastar mesmo, de deixar o cabelo branco.

A franja...













Deixe fazer efeito por um tempinho. O ideal é a tinta secar no cabelo, ela forma uma especie de capinha, similar as tintas vegetais.
Depois disso, não fara mais efeito, ela chegou a máxima cor daquele processo! Assim que o cabelo endurecer, enxague.
O tempo médio é de 30 a 45 minutos.













Aqui a tinta esta fazendo efeito, já na metade do tempo. Como saber? Repare a raiz, que era a parte virgem...Esta ficando avermelhada!
Isso ocorre porque o tom vermelho é reflexo de cabelos escuros e pra gente um estagio da descoloração. Na pratica, se a gente lavasse agora, o cabelo ficaria laranja! É o que nos mostra que a cor esta abrindo.













Aqui já esta seco, pronto pro enxague.

E aqui...É o resultado final!














Na frente...Repare que tá quase branco, a raiz ficou levemente loira! Praticamente o mesmo tom se usasse descolorante.
E a diferença maior: sem quebras, sem porosidade, sem aquele aspecto de secura.














Essa foto foi proposital. Deixei a parte de cima da raiz virgem por alguns dias a mais para que a diferença ficasse bem evidente.
Sim, funciona de verdade!

Há um detalhe: o cabelo ficou loiro claríssimo, mas AINDA não esta branco. Esse reflexo sai com facilidade usando neutralizador, logo se é sua intenção mante-lo platinado, é só aplicar um Tonner.

E atras...



















A raiz ficou do mesmo tom da parte da frente. O restante, que já estava praticamente branco, platinou de vez! Tem um reflexo meio cinza/azulado mesmo, mas sai com as lavagens!



















Como ficou a raiz...Levemente dourada. Como comentei anteriormente, é só neutralizar com pigmento lilas que consegue-se o branco!

É isso. Processo bastante simples, fácil e com resultado garantido.
A ÚNICA desvantagem é que a tinta tende a fechar as cutículas, por isso o cabelo após a lavagem fica tao macio (o oposto do descolorante).
Afinal a tinta já tem uma cor, supõe-se que você aplica com a intenção de mante-la. O descolorante por outro lado é um dos passos anterior a cor, ele serve justamente pra tirar a pigmentação e deixar o fio poroso para receber a tintura.

Ou seja: é uma vantagem pra quem quer manter o cabelo platinado.
No caso de quem ira tingir com tinta fantasia, o comum de acontecer é o pigmento durar menos.

Logo, a dica aqui é lavar com anti-residuos, processo que força as cutículas evitando que elas fechem completamente.
Dai é só secar com secador, aplicar a tinta, esperar fazer efeito e usar um creme com ph baixo para compensar a lavagem.


Digo isso porque em mim dura menos mesmo na pratica, mas como eu mudo a cor com frequência não é algo que me incomode.
E eu costumo lavar com shampoo hidratante, já que no caso mantenho a parte branca que foi descolorida.

No mais:

-Sim, funciona para decapar cores. O cabelo não chega a ficar tao claro, mas é bem menos agressivo que descolorante.
-Sim, pode ser aplicado mais de uma vez no mesmo dia, se necessário.
-O oxidante indica-se que seja de 40v. Como este tutorial é antigo, o fabricante atualizou as informações e pode ser usado de 20v a 40v, a dependener do grau de clareamento desejado e da cor do seu cabelo.
-Sim, pode-se misturar 11.21 com 11.20 e dispensar o 0SP.
-Sim, na teoria, qualquer tinta loiro platinado/claríssimo faz este efeito. Inclusive das de farmácia!
O único porém é a volumagem do oxidante. Se atente a isso na compra! Não tendo certeza, use esta do tutorial. 

Fica a dica! d:-)

                                       

sábado, 20 de novembro de 2010

Tonners II

Bem, já comentei de Tonners por aqui, explicando a função, a diferença entre os que tinha disponível e ensinando a usar.

Neste post irei mostrar outras marcas e explorar um pouquinho mais a questão do pigmento.

São elas:










Punky Colour Platinium Blonde (que esta fechada!), Manic Panic amplified Virgen Sonow, Special Effects Mix Tonner e Directions silver (deixa o cabelo prata!).

Em relação ao pigmento: A Directions de longe é mais escura, dá pra comparar com a Wildflower, porem o creme é um pouco mais diluído.
A indicação?! Pra neutralizar laranja. Sinceramente, funciona bem melhor assim! O efeito prata dura tao pouco que não compensa adquirir pra isso. É mais vantagem ter para anular laranja/amarelado forte e resultar num cabelo branco.
Sem falar que se passar do ponto ou se a base não for apropriada, fica um roxo esquisito.
Dai com as lavagens ele vai desbotando e se consegue branco.

Na duvida, o que faz o mesmo efeito: suavizador com pigmento do wildflower ou um pouco de blue velvet da S.E, ou azul atlantic e roxfluor da Exotic.

O Virgen Snow foi uma novidade. Eu nunca tinha visto pra vender em lojas físicas, foi a primeira vez que comprei. O que me assustou é a diferença dele pro Mix Tonner! Ele faz o Mix parecer tinta azul...
A indicação!? Pra cabelos que já estejam brancos. Ele é fraco DEMAIS pra neutralizar qualquer amarelado, experiencia propria.  O resultado pra mim foi uma decepção. Eu não gostei e pretendo adicionar pigmento no meu tubo, pra ver se fica um pouco similar ao Mix Tonner.
A grande vantagem neste caso é que ele tem o mesmo componente das outras tintas, então eu posso criar um neutralizador personalizado.
O produto não se perde. Claro, pra quem não tem medo de adicionar pigmento.

O Mix Tonner é que eu uso normalmente, apesar de mais escuro pra um neutralizador de amarelado, não deixa o cabelo lilas ou roxo. Eu gosto bastante do tom de pigmentação, me baseio nele pra salvar os outros que não funcionam.
A indicação? Para cabelos levemente amarelados, com reflexo loiro. Ele NÃO neutraliza amarelo ovo nem tons mais intensos.










Aqui dá pra ver melhor a diferença: eles deveriam ter a MESMA função, que é anular tons amarelados. Porem como a pigmentação varia muito, isso acaba influenciando diretamente no resultado final.

-Quer neutralizar laranja? Silver da Directions.
-Quer neutralizar amarelado? Mix Tonner da S.E
-Quer manter o cabelo já branco? Virgen Snow da M.P.

E a Punky Colour ainda não usei. Como ela é prima da Directions e eu já use o Tonner deles, é uma segunda opção pra manutenção do branco.

Sim, os Tonners deveriam ser todos iguais, mas como podemos ver não há um padrão, então cada um tem uma função mais adequada pra um objetivo qualquer.

Para evitar aborrecimentos, se atente a porcentagem de pigmento. E não se preocupe, eles NÃO são escuros o suficiente pra manchar o cabelo, o pigmento dispersa nos fios. O máximo que pode acontecer é nada acontecer.

d:-)

Kits de Descolorantes

Como comentei anteriormente, tive acesso a alguns kits de descoloração de marcas de tintas.

Os kits são únicas unidades e não estão disponíveis, comprei pra teste, pra você saber que eles existem e conhecer o resultado.
São eles, da Manic Panic e Raw:













Comprei diferentes de proposito. Dizem que o da MP de 40v deixa o cabelo branco apenas com uma aplicação. Se os fios forem naturais até dá pra convencer, mas duvido que ele desbote um pigmento mais forte, como rosa, laranja e verde.

A diferença entre eles são alguns componentes: O da Manic Panic é um kit mais bonitinho, já o da Raw vem com um creme para neutralizar amarelado, o que sugere que a proposta deles é te fazer sair do banheiro platinada. Mesmo que a descoloração fique amarelada, no próprio kit já vem neutralizador.












O kit da Manic Panic!

Na teoria, é relativamente a mesma coisa: oxidante, descolorante, um pincel para fazer a mistura. Deixar nos fios o tempo indicado na embalagem para o objetivo, que varia de 15 minutos a 45 minutos.
É tudo muito explicado! Mesmo que a pessoa não tenha o conhecimento básico, ela pode tranquilamente comprar o kit e aplicar sozinha em casa, sem maiores dificuldades! d:-)










Kit da Raw











O neutralizador que vem com a Raw, nada mais que um creme violeta escuro (é bem similar a pigmentação da Loreal Silver).

E a comparação dos dois kits:











A diferença na pratica é só a oxigenada e o neutralizador da Raw. Ambos tem a mesma proposta e mesmos componentes. O da MP é mais simpático por ter mais acessórios, porem a Raw compensa incluindo o condicionador.

Assim que tiver a parte pratica volto pra contar os resultados! ^^

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Proximo post...

Passei um tempinho fora..Faz quase 1 semana que estou tentando montar esse post, mas o blog nao me deixa postar fotos! d:-/

O que dificulta demais neste caso, porque voltei com novidades: os kits de descoloraçao da Raw, da Manic Panic e o Tonner Virgin Snow.

Os kits ainda nao foram testados, nao deu tempo. E eu só consegui um de cada, tive medo de comprar mais e ser barrada, logo nem tenho como disponibilizar. Fica só pra voce conhecer e saber que nao é mito! haha

E o Virgin Snow...Testei apenas uma vez, na franja e nao gostei do resultado. Ta, honestamente, acho que ele nao fez nada, a pigmentaçao é fraca demais! Tentarei mais vezes, claro, mas acho que nem compensa anunciar. Especialmente sabendo que ele é tao dificil de dar certo.

Vou acabar colocando pigmentaçao extra...

No mais, tenho outros tres posts encaminhados: um sobre os kits, o outro especificando a diferença de todos os Tonners importados e um comentado de reparador de pontas.

Bem, vou montando e assim que ele me deixar publicar fotos libero! d:-)